fbpx Quando A Casa Dos Avós Se Fecha
16
abril 2024
       

Quando a casa dos avós se fecha

Quando a casa dos avós se fecha – Acho que um dos momentos mais tristes da nossa vida é quando a porta da casa dos avós se fecha para sempre….

Quando essa porta se fecha, é triste pensar que encerramos os encontros com todos os membros da família, que, em ocasiões especiais, ao se reúnem, exaltam os sobrenomes, como se fizéssemos parte uma família real.

E tudo isso, está sempre mensurado pelo amor dos avós, que como uma bandeira, eles (os avós) são os culpados e os cúmplices por estes momentos tão sublimes.

Quando a casa dos avós se fecha, também terminam-se as tardes felizes com tios, primos, netos, sobrinhos, pais, irmãos e até recém-casados que se apaixonam pelo ambiente que ali se vive e respira.

Não precisa nem viajar para longe, pois estar na casa dos avós é o que toda família precisa para ser feliz.

E as reuniões nas festividades de final de ano que regadas com o cheiro da tinta fresca, que cada ano que chega com intensidade e alegria? As vezes, pensamos “…e se essa for a última vez”?

Quando a casa dos avós se fecha

 Quando a casa dos avós se fecha
Quando a casa dos avós se fecha

É difícil aceitar que isso possa ter um prazo, um dia determinado, e que tudo pode acabar e ficar coberto de poeira. E os risos, as gargalhadas se tornarem em só uma lembrança longínqua de tempos que foram melhores.

O tempo passa enquanto esperamos por esses momentos e sem perceber, passamos de crianças que outrora abríamos presentes, para adultos sentados na mesma mesa, brindando o almoço, e logo a pós, a espera do aperitivo para o jantar, porque o tempo da família não passa e o aperitivo é sagrado.

A casa dos avós está sempre cheia de cadeiras, nunca se sabe se um primo vai trazer namorada, porque aqui todos são bem-vindos.

Sempre haverá uma garrafa térmica com café, ou alguém disposto a fazê-lo.
Você cumprimenta as pessoas que passam pela porta, mesmo que sejam estranhas, porque as pessoas na rua dos seus avós são o seu povo, eles são a sua cidade.

Fechar a casa dos avós é dizer adeus às canções com a avó e aos conselhos do avô, ao dinheiro que te dão secretamente dos teus pais como se fosse uma ilegalidade, chorar de rir por qualquer bobagem, ou chorar a dor daqueles que partiram cedo demais. É dizer adeus à emoção de chegar à cozinha e descobrir as panelas, e saborear a “comida da nona”.

Portanto, se você tiver a oportunidade de bater na porta dessa casa e alguém a abrir por dentro, aproveite sempre que puder, porque ver seus avós, os seus velhos, ficarem sentado esperando para lhe dar um beijo é a maior e mais sensação maravilhosa, que você poderá sentir na vida.

Então, chagamos a um estágio em que nós temos que ser os avós, nossos pais já se foram e nunca vamos perder a oportunidade de abrir as portas para nossos filhos e netos e celebrar com eles o dom da família, porque só na família é aonde os filhos e os netos encontrarão o espaço oportuno para viver o mistério do amor por quem está mais próximo e por quem está ao redor.

Aproveite e aproveite ao máximo a casa dos avós….

Acredite, chegará um tempo em que na solidão de suas paredes e recantos, se fecharmos os olhos e nos concentrarmos, quem sabe se poderá ouvir, talvez, o eco de um sorriso, ou de um grito, preso no tempo que se foi.

Por fim, posso dizer que ao abrir os olhos, a saudade vai nos pegar e vamos nos perguntar: por que tudo foi tão rápido? E vai ser doloroso descobrirmos que ele não foi embora…

Mas nós o deixamos ir…

Quando a casa dos avós se fecha – Autor: Desconhecido

(Visited 47 times, 1 visits today)

Deixe seu comentário

Abrir conversa
1
Olá, tudo bem?
Blog do Márcio
Olá, como posso te ajudar?